quinta-feira, 9 de dezembro de 2010

Christimas is Coming!


Olá meus caros leitores. Como estão vocês? Espero que bem e em clima de Natal. Esse ano será um pouco diferente pra mim. Eu passarei o Natal sem família. Não passarei sozinho, mas com certeza sem família. Meus pais resolveram ir pra casa da minha irmã de novo e eu não quero ir praquele fim do mundo novamente. Quem quer entender porquê é só clicar aqui e ler este post sobre o natal de 2008.

E foi recapitulando este post que eu lembrei que meu blog completa dois anos daqui a 6 dias. É claro que eu também aproveitei para dar uma lida no que eu escrevera há quase dois anos. Nossa, meu estilo de escrita era incrivelmente pobre e repetitivo (ainda amo um QUE). Não mudou muita coisa, mas um pouco, pelo menos, eu mudei. Eu contava as coisas de forma tão pausada e parecia que as histórias nunca evoluíam.

Sem falar dos erros ortográficos que ainda ocorrem, mas com uma freqüência bem menor. Procuro repetir menos algumas palavras e me focar mais no tema central e na mensagem que quero transmitir. Não sei de onde tirei essas dicas, mas elas têm me servido já faz algum tempo. Enfim... Vamos voltar ao que interessa.

Amanhã minha mãe completa 47 anos de vida e 28 de casada (Deus é mais...). Sabe de uma coisa? Reler este post sobre o meu natal com 16 anos me fez pensar o quanto eu mudei. Eu era um adolescente muito desmiolado e rebelde. Nunca estava satisfeito com nada e qualquer coisa era suficiente para me tirar do sério. Eu gosto de ler uns posts antigos e notar as sutis mudanças que sofri.

E toda aquela paixão pelo Portillo que eu sentia. Pensando que seria eterno. E eu me lembro do Edward também, que foi mais forte ainda. E então eu chego ao Renato. Acho que o meu namorado mais legal em todos esses anos e sem dúvida o único que não me fez sofrer. E eu sinto vontade de estar com ele a cada dia que passa, mas eu sei que não tem como dar certo. Pelo menos não agora. Sei que ele não lê mais este blog, então estou seguro escrevendo isso.

Eu reescrevi um e-mail umas três vezes pedindo pra voltar com ele. Desculpando-me por ter sido um idiota e logo em seguida apaguei. Eu tenho que ter força de vontade. A minha decisão de terminar não foi tomada com base na emoção e sim na razão. Apenas amor não basta. Uma vez eu ouvi que se tiver que ser vamos nos encontrar novamente e vamos poder ser felizes, mas talvez esse realmente não seja o momento.

Embora eu tenha mudado consideravelmente desde os 16 anos, ainda tenho aquele pensamento jovem de liberdade e curtição. Tenho minha impertinência imperando minha personalidade e meu jeito rabugento de ser. Pena que eu não posso trocar de signo, senão seria leonino!

E difícil será o Reveillón que eu planejei e idealizei tanto sobre como seria passar com ele. Talvez um dia esse momento se realize. Tudo que eu sei é que neste momento ele está livre e feliz. Vivendo a vida dele e talvez ele até conheça alguém que o mereça bem mais do que eu merecei. Pelo menos eu sempre soube do valor que ele tem. Espero que o próximo saiba também.

E então é isso pessoal. Muito provavelmente vai rolar um bacanal aqui no Natal. Estão todos convidados. É só trazer camisinha e seu parceiro. Ele é pessoal e intransferível (sempre quis dizer isso). Nos vemos no dia 15 de dezembro que é quando meu Blog completa dois aninhos de vida e talvez eu faça um especial com meus posts mais legais. Ou talvez eu adie esse post pro dia 16 que é quando sai a lista de convocados para os exames físicos da marinha. Beijos.

Candy

6 comentários:

Ro Fers disse...

Desde já, meu obrigado pela visita...
Será uma pena que tu não passará o natal com sua família, afinal Natal é uma data familiar, e indepndente do lugar, ou seja, até msmo no fim do mundo, compensa um natal familiar, afinal nunca sabemos sobre o amanhã, e o natal do ano que vem é mto incerto, portanto aproveite...
Quanto ao seu namoro, eu não sei o motivo pelos quais terminaram, mas se tu está conseguindo aos poucos superar a falta dele, nos quais nota que realmente nao vale a pena volar...bola pra frente cara, aos poucos as coisas se encaixam e quem sab tu arruma coisa melhor...
Forte abço brow

Dhyogo disse...

Ah, como eu sinto falta dos meus 16 anos. Era quando eu tinha os melhores amigos, quando fazia tudo que tinha vontade, e não fazia nada.... Enfim, tempos que dão saudades e que nunca voltarão. E vc percebe isso quando chega aos 18, e como passou tudo tão rápido.
Raphinha, tô com saudades de conversar contigo. INfelizmente o que me falta é tempo, mas vou pedir para que você deixe seus telefones qqr dia desses... E realmente, é uma pena o natal ser sem sua família.. o que vai fazer?
Apareço sempre por aqui, mesmo não comentando em todos...
Espero "ver" vc antes do fim do ano.
Bjs!

RICARDO disse...

Por favor, urgente!
hoje todos os jornais estão divulgado MAIS UM ataque na região da Paulista, na Frei Caneca, um skinhead com soco inglês…
E estamos perdendo feio lá no site do Conselho Regional de Psicologia de Santa Catariana, a maioria na enquete é contra a PL 122/2006. Eu fico me perguntando do que essa gente tem medo. Quem puder, entra lá e vote “SIM”, por favor..
http://www.crpsc.org.b
Outra coisa, nem sei se gostam do Jabor nestas bandas, mas o que ele falou e como falou hoje, em nossa defesa, em “Covardes atacam homossexuais corajosos” merece emoção e aplausos. Ouçam no link abaixo:
http://cbn.globoradio.globo.com/comentaristas/arnaldo-jabor/2010/12/10/COVARDES-ATACAM-NOS-HOMOSSEXUAIS-CORAJOSOS-A-POPRIA-MISERIA-SEXUAL.htm?utm_source=twitterfeed&utm_medium=twitter
Obrigado!
Ricardo Aguieiras
aguieiras2002@yahoo.com.br

FOXX disse...

sendo bem sincero...
eu não te suportava com 16 anos
seu blog melhorou mto desde lá...
mas, não vou mentir, as vezes vc veste a carapuça de adolescente e reclama sem motivo...

Rafa disse...

Parabéns adiantado!

Bom ver o quanto a gente vai amadurecendo na vida.

Sorte aí.

Bj

Arsênico disse...

Nada como um ano após outro... podemos ver que perdemos muito tempo com coisas que realmente não valiam a pena... ou percebermos que evoluímos de alguma forma!

Que suas descobertas continuem ao longo dos anos!

***

Quanto ao ex-recente-namorado... não creio que ele já tenha relevado a situação e deixado de te amar em tão pouco tempo... quem sabe ele ainda encharca o travesseiro todas as noites!

***

umBeijo!


;-D